sexta-feira, 30 de novembro de 2018

Resumo de mais uma reunião da Câmara de vereadores de Toritama


Imagem relacionada

Edijan: Falou da alegria de poder junto ao prefeito poder realizar mais uma festa para as debutantes do município, que pelo segundo ano consecutivo a secretaria de ação social realiza tal evento gratuito para as jovens principalmente das classes sociais mais baixas que tem a oportunidade de realizar a festa dos 15 anos de um certo número de jovens que pra ter essa oportunidade através de sue desempenho na escola. Se disse feliz em ouvir das jovens e seus pais os agradecimentos ao prefeito por mais essta realização.

Arimatéa: Agradeceu a todos os vereadores pelo empenho de cada um na casa legislativa durante este ano de 2018. E que segundo ele foi muito bom e produtivo para o município. E por fim desejou a todos boas festas, feliz natal e um ano novo de paz pra todos.

Morica: Relembrou a sua luta para que a zona rural receba água da compesa. Reclamou a paralisação das obras e pediu a prefeitura e a própria empresa volte o mais rápido possível a retomada das obras. Em relação as feiras, o vereador voltou a cobrar a união das cidades que compõem o polo das confecções, principalmente Santa Cruz do Capibaribe e Toritama sentem a mesa para discutir o assunto e cumprir os acordos em sua totalidade. Reclamou que hoje os confeccionistas estão reféns do trabalho, sem horas pra começar e terminar. Pediu que fosse dado um basta a essa triste situação. Disse que já se sabe como deve ser as feiras de Toritama e Santa Cruz. Disse que as pessoas estão adoecendo com essa forma desleal e desigual de se fazer as feiras. Pediu que seja feito algo o mais rápido possível. E disse que seja feito um calendário justo pra todos, principalmente para os nossos clientes. Disse que tem visto os feirantes cabisbaixos e tristes com essa situação. E pediu que Toritama faça sua feira seis horas antes de Santa Cruz, ou seja as três horas da manhã da segunda-feira ou no mais tardar as dezoito horas do domingo. E pediu para que os representantes das entidades que vivam o nosso comércio, principalmente aquelas ligadas as feiras se reúnam e resolvam esta situação de uma vez por todas. Disse que a cidade tem perdido com essa desorganização e culpou a prefeitura e as entidades pelo insucesso das feiras de final de ano. "Quem tem que tomar as rédeas e resolver a para é o prefeito", disse. E por fim desejou boas festas, feliz natal e um ano novo de conquistas.

Ferrerinha: Se disse muito feliz e agradecido a Deus pelo seu trabalho e sua luta em prol do município. Disse que foi um ano difícil, mas que por fim o resultado foi positivo. Relatou que só faltou duas reuniões no ano e uma delas por conta de um acidente que o mesmo sofreu na via publica, mas o que chamou mais atenção foi o atendimento nota dez que ele recebeu no hospital municipal. Agradeceu a doutora e a sua equipe médica que tratou dele maravilhosamente. Disse que fez questão de perguntar a todos que estavam no hospital e todos disseram que é assim sempre. Agradeceu ao secretário de obras por ter sempre lhe atendido nas obras e ações. Agradeceu a COMPESA por ter atendido seus pedidos em especial na Rua São Paulo no bairro de Antão. Pediu que fosse resolvido as obras de tubulação e pavimentação do Beco São Pedro no Independente. Falou de sua alegria e sua gratidão em poder ver as pessoas felizes com as ruas enlameadas e as ruas começando a serem calçadas e citou o bairro. Falou de sua felicidade por ter seus pedidos atendidos pelo prefeito. Falou que vem cobrando constantemente as limpezas dos canais e córregos e espera que urgentemente resolva esse problema, pois só assim terá seus pedidos atendidos em quase cem por cento. Disse que diferente de outros, ele tem procurado atender os anseios da população. E por fim convidou a população para participarem da grande cruzada evangélica que vai acontecer agora em dezembro e disse que ficará realizado totalmente quando ver o prefeito construir a praça da bíblia em nosso município.

Mava: Reclamou da falta de lixeiras no perímetro da feira, como também o pouco número de garis responsáveis pela limpeza das vias que recebem as feiras e também das demais vias publicas da cidade. Disse que é uma vergonha e que a cidade está na UTI. Falou do atraso nas obras como consertos de tubulações que estão estouradas em diversas partes da cidade. Cobrou a manutenção nos veículos do e que prestam serviços ao município. E citou algumas irregularidades nos ônibus que levam os estudantes para as escolas e universidades. E se disse triste com essa situação. Falou que foi convocado por populares, feirantes e comerciantes para ajudar no trânsito para poder desobstruir o trânsito que estava literalmente parado e que se não fosse ele, teria sido um caos maior. E lamentou que tenha sido denunciado por por pessoas que não entendem que o seu proposito é ajudar. Falou que a segurança é muito pouco para o tamanho do volume de pessoas neste período. E reclamou que o chefe do executivo não ouve ninguém e nem quer ajuda, mesmo que seja voluntária. E que o governo reveja algumas ações. Parabenizou a Jessé Aciole e todos os que estão engajados na EXPOZAGA (Exposição que conta a história do Rei do Baião) e convidou a todos para visitarem o evento. Disse que também participou do campeonato de Skate na cidade e parabenizou os organizadores. E por fim agradeceu a todos que estiveram com ele durante este ano.
Edijan (Líder do Governo): Parabenizou o Padre Janailton pela sua liderança a frente da igreja católica e as melhorias realizadas por ele neste período de festividades religiosas. Quanto ao veto do projeto que libera o livre trânsito de veículos atrasados no município de Toritama e que não sejam recolhidos em caso de blitz. O vereador disse que se sensibiliza com aqueles que estão com seus veículos atrasados, mas que entendam que uma lei municipal vá contrário a uma lei federal. Se essa lei entrasse em vigor seria além de uma afronta a constituição e dar mal exemplo ao país. Sem falar na prática ilegal de comercio de veículos atrasados que Toritama se tornaria. Parabenizou e citou o promotor publico lotado em Toritama, como o melhor promotor do Brasil. Disse que o projeto faz com que o município abre mão de receber recursos, o que é ilegal perante a justiça. Disse que quer que todos possam se legalizarem e transitem com seus veículos para qualquer parte do país. Disse que foi eleito para fazer leis que ajude o cidadão e não que engane o povo. Disse que sabe das dificuldades enfrentadas por cada um no dia a dia e que a maioria dos veículos que estão em atrasos é por conta da crise, mas que mesmo assim o município não pode abrir mão de recursos que serão e são utilizados para a melhoria do nosso trânsito e nossas estradas. E mais é inconstitucional uma lei municipal desfazer de uma lei federal. E por fim agradeceu ao promotor pela indicação de veto ao projeto e que o município está no caminho certo. E por fim agradeceu a todos pela oportunidade.

Severino Antônio - Birino: Defendeu o seu projeto de que os veículos do município que estejam atrasados, mesmo que o mesmo tenha sido vetado pelo executivo municipal através de um pedido do representante do Ministério Publico. E citou que algo parecido foi aprovado nos estados da Bahia e do Rio de Janeiro. E acusou o governo municipal de criar uma autarquia de trânsito que na verdade não vem para organizar o trânsito local, mas criar uma empresa de multa. E disse que não calará diante das irregularidades do governo municipal.

Severino Antônio - Birino (Líder da Oposição): Iniciou sua fala rebatendo o líder do governo dizendo que não entende como esse mesmo ministério publico veta umas coisas e outras não. E que foi até o mesmo e mostrou que nos estados da Bahia e Rio de Janeiro tem cidades com leis parecidas, mas mesmo assim o mesmo se mostrou irreversível no que se refere a sua posição. E disse que o MP local tem agido com dois pesos e duas medidas, pois citou algumas irregularidades no executivo municipal e mesmo assim o promotor não lhe deu a resposta convincente. Reclamou que há irregularidades no investimento de recursos públicos e citou a folha de pagamento como um exemplo denunciado por ele, mas a promotoria não age com a mesma eficiência e cobrou ações urgentes. Disse que o que está havendo é que há pessoas querendo realizar uma intriga entre o vereador e o promotor, mas que irá esclarecer tudo e no momento certo irá desmascará essas pessoas. Pois há pessoas principalmente no governo que estão tentando colocar um contra o outro e que o promotor possa filtrar todas as informações que chegam ao seu gabinete. Sou de falar na cara e se tivesse algo contra o senhor já teria falado. E se não tivesse sendo atendido teria feito o que já fez na gestão anterior, quando não foi atendido foi até a corregedoria e fez a denuncia pessoalmente. Disse que está fazendo o que o próprio promotor pediu, que era fazer política, e eu estou fazendo política. E citou uma estória ocorrida na cidade, onde o secretário de desenvolvimento para proibir um cidadão de trabalhar, dizendo que era uma ação vinda do promotor. E disse irá levar este caso até o mesmo. E disse que ver com tristeza pessoas se esconderem por trás de uma igreja santa, mas que na prática vivem de fazer o mal e pensar em si só. E por fim reclamou que o governo do município esteja trabalhando para que pessoas de famílias carentes tenham seus benefícios cortados, principalmente o Bolsa Família e que irá trazer esse assunto a tona. E por fim desejou a todos bom final de ano e um ano novo de realizações.

Por Wendell Galdino

Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.