Ads 468x60px

Posts em Destaque

terça-feira, 21 de outubro de 2014

Petrolina entra no roteiro da visita de Dilma

Reunião do PT com representantes dos partidos da base aliado. Foto: Guga Matos/JC Imagem.
Reunião do PT com representantes dos partidos da base aliado. Foto: Guga Matos/JC Imagem.
Os petistas ainda estão acertando os últimos detalhes, mas tudo indica que a presidente Dilma Rousseff (PT), candidata à reeleição, deve realizar uma rápida passagem por Petrolina, Sertão do Estado, antes da visita aos municípios de Goiana e Recife nesta terça-feira (21).
Inicialmente, a cidade sertaneja estava incluída no périplo petista, mas por incompatibilidade de agendas havia sido cortada. Durante a plenária do PT, nesta segunda-feira (20), o senador Humberto Costa, coordenador da campanha do PT no Estado, adiantou que a cidade voltou ao itinerário. Aliado do PT, o prefeito de Petrolina, Júlio Lóssio (PMDB), também confirmou que os preparativos da visita estão sendo finalizados.
Petrolina deu uma vitória expressiva a Dilma no primeiro turno. Na cidade a petista recebeu 51, 16% dos votos válidos. Marina ficou em segundo lugar com 39,93% dos votos.
“Tem uma grande caminhada amanhã pela manhã [em Petrolina] que será realizada pela Articulação do Semiárido (ASA) e deve reunir 20 mil pessoas. Vai gente da Bahia, de Pernambuco e de vários Estados do Nordeste, e eles estavam insistindo muito para ela ir e o ex-presidente Lula a convenceu a fazer a viagem”, explicou Costa.
Em setembro, o ex-presidente Lula participou de um comício em Petrolina para defender a candidatura de Dilma e do candidato Armando Monteiro.
Os dois chegarão por volta das 13h e seguem para o município de Goiana, na Zona da Mata. O primeiro compromisso de Lula e Dilma é uma visita à fábrica da Fiat.
Panfleto com convocação para caminhada. Foto: Guga Matos/JC Imagem.
Panfleto com convocação para caminhada. Foto: Guga Matos/JC Imagem.
De lá, seguem para um comício no Centro da cidade com representantes de movimentos sociais e entidades sindicais, como a CUT e a Fetape. A visita a Fiat está prevista para as 13h30. Depois, às 14h30, haverá um comício em Goiana, na Rua Nunes Machado, no Centro de Goiana.
Às 17 horas, eles participam de caminhada no Recife. A concentração será no Parque 13 de Maio. De lá a caminhada segue para a Rua do Hospício, depois pegará a Avenida Conde da Boa Vista,  Avenida Guararapes, Dantas Barreto e será encerrado no Pátio do Livramento. Fonte: NE 10.

Polícia Federal de Pernambuco para por 72 horas a partir desta quarta

Do NE10
Apesar de a paralisação só ter início nesta quarta (22), a Polícia Federal de Pernambuco fará passeata amanhã no Centro do Recife / Foto: Polícia Federal do Paraná
Apesar de a paralisação só ter início nesta quarta (22), a Polícia Federal de Pernambuco fará passeata amanhã no Centro do RecifeFoto: Polícia Federal do Paraná
Policiais federais de Pernambuco aderem ao movimento nacional e paralisam por 72 horas a partir desta quarta (22). Nesta terça, no entanto, a categoria fará uma passeata no Centro do Recife, com panfletagem e cartazes, no turno da tarde, com horário a ser definido. A decisão foi tomada em uma assembleia realizada na sede do Sindicato dos Policiais Federais de Pernambuco (Sinpef/PE), que fica no bairro de Santo Amaro, na noite desta segunda. 
Além de Pernambuco, 17 estados aderiram ao movimento. De acordo com o presidente do Sinpef/PE, Marcelo Pires, o que motivou a paralisação dos agentes, escrivães e papiloscopistas foi a Medida Provisória 657, que apenas beneficiou o cargo de delegados. "Vamos fazer uma mobilização de protesto, porque achamos que esta medida é um retrocesso. A presidente Dilma Rousseff havia prometido não editar a medida antes das eleições e o fez", explicou.
A MP 657 foi publicada na última terça (14), no Diário Oficial da União e altera a lei 9.266/1996, reorganizando as classes e carreiras da PF. O texto determina que os ocupantes do cargo de delegado de PF são responsáveis pela direção das atividades do órgão e exercem função de natureza jurídica e policial. Ele afirma que as negociações com o governo para modernização da carreira na PF e o reconhecimento das atividades realizadas por todos os servidores foram iniciadas em 2012. Apesar da paralisação de 72h, a Polícia Federal continuará funcionando com 30% do efetivo. "Mesmo com o movimento, estamos dentro da lei. Para nós, a medida 657 foi desleal", disse Marcelo. 
Além disso, a medida institui que o ingresso no cargo de delegado da PF, realizado por meio de concurso público de provas e títulos, é privativo de bacharel em direito, exigindo três anos de atividade jurídica ou policial, comprovados no ato da posse. Já o cargo de diretor-geral, nomeado pelo presidente da República, é privativo de delegado de Polícia Federal integrante da classe especial. 

Em cenário de empate técnico, Dilma ultrapassa Aécio

Dilma e Aécio no páreo duro rumo ao segundo turno. Foto: ArteNE10.
Dilma e Aécio no páreo duro rumo ao segundo turno. Foto: ArteNE10.
A poucos dias da votação, a indefinição continua sobre quem vai governar o Brasil nos próximos quatro anos. Duas pesquisas de intenção de voto – Datafolha e Vox Populi – apontam o mesmo cenário. Enquanto Dilma Rousseff (PT) subiu três pontos e atingiu 46% das intenções de voto na última pesquisa Datafolha, divulgada nesta segunda-feira (20), no Jornal Nacional, Aécio Neves (PSDB) caiu dois e aparece com 43%. Número semelhante aparece na pesquisa do Vox Populi. Esta é a primeira vez que a presidente, candidata à reeleição, aparece numericamente na frente do tucano no segundo turno.
Dilma havia diminuído entre a primeira pesquisa Datafolha dessa fase das eleições, no dia 9, e a segunda: passou de 44% para 43% no dia 15. Porém, agora conseguiu crescer 3% e atingir o maior percentual. Aécio fez o caminho inverso: foi de 46% no dia 9 para 45% seis dias depois e hoje apareceu com 43%.
Levando em consideração apenas os votos válidos, como é feito pela Justiça Eleitoral, a petista passou de 49% nas duas primeiras pesquisas para 52% nesta. O tucano, ao contrário, foi de 51% para 48%.
As intenções de voto brancos e nulos, não contabilizados, são de 5%, um ponto a menos que na última pesquisa. Os indecisos se mantiveram em 6%.
O Datafolha entrevistou 4.389 eleitores de todo o Brasil nesta segunda-feira. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais e o nível de confiança, 95%.
Já o Vox Populi ouviu 2 mil eleitores entre o último sábado (18) e domingo (19) em 147 cidades brasileiras.
APROVAÇÃO DO GOVERNO – O crescimento de Dilma se reflete também na aprovação da sua gestão à frente do Palácio do Planalto. A porcentagem de eleitores que consideram o governo ótimo subiu de 39% no dia 9 para 42% nesta segunda-feira. Seguindo essa lógica, os que acreditam que é ruim passou de 22% para 20%. O governo é considerado regular por 37%. Fonte NE 10.

Imagens incríveis do cometa Siding Spring passando por Marte

Cometa (na parte inferior esquerda) passando por Marte (na parte superior direita). Foto: Nasa/Divulgação).
O cometa  (C/2013 A1, o nome oficial) passou bem perto de Marte nesse domingo (19). Este foi o mais próximo que qualquer cometa passou pela Terra em toda a história. Os cientistas aproveitaram a ocasião para estudar a interação dos dois astros.
Para isso, os dois robôs que a humanidade mantém no Planeta Vermelho, o Curiosity e o Opportunity, trabalham dobrado para registrar o evento. As cinco sondas ativas que orbitam Marte, a MAVEN, MRO e Mars Odyssey da NASA, Mars Express da ESA, e a Mars Orbiter da Índia também enviaram informações.
A primeira imagem foi divulgada ainda neste domingo e foi feita a partir da Terra. O cometa tem cerca de 1,6 quilômetros de diâmetro e percorre o  a uma velocidade de 56 Km/segundo. Ele provavelmente se originou em um local conhecido como Nuvem de Oort e demorou 1 milhão de anos para se aproximar de Marte. [Via Nasa]
Mais uma foto, desta vez feita pelo robô Opportunity, de Marte. (Divulgação).
Mais uma foto, desta vez feita pelo robô Opportunity, de Marte. (Divulgação).

Veja também Fonte: NE 10.


segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Menor faz desenho na escola para denunciar suposta violência sexual

Segundo a polícia, o suspeito de praticar o crime é o pai da adolescente.Caso é investigado pelo delegado de Taquaritinga do Norte, no Agreste de PE.

Menor fez denúncia por meio de desenho (Foto: Divulgação/ Polícia Civil)
Menor fez denúncia por meio de desenho (Foto: Divulgação/ Polícia Civil)Menor fez denúncia por meio de desenho
(Foto: Divulgação/ Polícia Civil)

Uma adolescente de 13 anos fez um desenho na escola para denunciar uma suposta violência sexual contra ela, em Taquaritinga do Norte, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Civil, o suspeito de praticar o crime é o pai da menor. Ele foi preso na manhã desta sexta-feira (17) na zona rural do município. Segundo o delegado Luiz Carlos, responsável pelas investigações do caso, o homem vinha praticando o abuso há cerca de seis meses.

Ainda de acordo com o delegado, já existia uma determinação judicial para que o suspeito não se aproximasse da vítima. "Há um tempo atrás ele já tinha violentado a mesma. Por isso foi determinado que ele ficasse afastado dela. Nesta semana, a menor desmaiou na escola e após a chegada do Conselho Tutelar, ela fez o desenho indicando que a violência continuava acontecendo", explica.

O suspeito foi ouvido e encaminhado à Penitenciária Juiz Plácido de Souza, em Caruaru, também no Agreste. O delegado informou ainda que também investigará se a mãe da menina tinha conhecimento do que estava ocorrendo. "Iremos ouvi-lá para saber se ela pode ser responsabilizada pela omissão da violência", diz.


Do G1 Caruaru 

Troque seu depertador por um... gato!

Do NE10
 / Foto: reprodução do vídeo
Foto: reprodução do vídeo
O site do jornal The Huffington Post publicou uma galeria de vídeos com uma forma, digamos, menos estressante de acordar. No lugar de despertadores barulhentos, os "usuários" são acordados por seus gatinhos. Não tem como ficar mal-humorado com tanta fofura, concorda? Até por isso, desde que foi postada, em março, a matéria já foi compartilhada e reproduzida milhares de vezes - no site, são mais de 88 mil likes no Facebook. "Para demonstrar os benefícios de um 'gato-alarme' compilamos a montagem do vídeo abaixo", e completa: "Os efeitos colaterais deste tipo de alarme podem incluir espirros, tosse, pequenos arranhões na pele e até a necessidade de limpar cocô". Mas quando você é acordado por um felino olhando para você, completa o texto, você sabe que será um bom dia!

Sport cede empate ao Botafogo e chega à sexta rodada sem vencer

Foto: Vitor Silva/SSPress
Foto: Vitor Silva/SSPress
Por pouco o Sport acabou com o jejum de cinco rodadas sem vencer, mas acabou cedendo o empate e ficou em 1×1 com o Botafogo na noite deste domingo, em Volta Redonda (RJ). A partida, válida pela 29ª rodada da Série A, foi equilibrada e começou com o Leão na frente. Aos 21 minutos do primeiro tempo, Diego Souza marcou um golaço – o segundo do meia com a camisa rubro-negra. Mas de tanto pressionar, o Fogão chegou ao empate com Wallyson na segunda etapa do jogo.
Assim como iniciou o jogo, o time rubro-negro ficou na 12ª colocação na tabela, agora com 37 pontos. Com sete pontos a menos, o alvinegro subiu duas posições e ficou na porta da zona de rebaixamento, sendo o 17º colocado. Na próxima rodada, o Sport recebe o Goiás na Ilha do Retiro. O jogo é na quarta (22), às 22h30 (horário de Brasília). No mesmo dia, o Botafogo vai ao Paraná, onde enfrenta o Coritiba.
Jogo - Apesar de ter menor posse de bola, o Sport foi mais objetivo em campo e soube se aproveitar do erro e do desespero do Botafogo para sair à frente no placar. Se era um resultado das mudanças de Eduardo Baptista ou da palestra motivadora que tiveram com o ex-comandante do Bope não se sabe, mas os rubro-negros pareciam mais concentrados do que nas últimas rodadas.
Improvisado na defesa, já que Durval estava suspenso por ter levado o terceiro cartão amarelo na competição, o volante Wendel deu conta do trabalho e conseguiu segurar o ataque alvinegro. Recuperado de lesão e recém-liberado pelo departamento médico, Rodrigo Mancha foi outro destaque do primeiro tempo, inclusive quando em menos de dois minutos de jogo mandou uma bola na trave de Jefferson – a primeira jogada de perigo do jogo.
Em menos de sessenta segundos, foi a vez do Botafogo tentar abrir o placar. Henrique Mattos acabou se distraindo na saída de bola e foi desarmado por Wallyson que avançou com velocidade pela esquerda, mas acabou chutando cruzado para fora.
Só aos 21 minutos a rede balançou no Volta Redonda. Diego Souza recebeu de Henrique Mattos pouco depois do meio-campo e avançou com velocidade, jogada de perigo típica do Camisa 87 que colocou a zaga no bolso e marcou um golaço – o segundo do meia com a camisa rubro-negra. Depois, ainda mais pressionado pela torcida, o Fogão pareceu aceitar as vaias como incentivo e pressionou a zaga leonina, mas não conseguiu chegar ao empate antes do intervalo.
Na volta para o segundo tempo, as duas equipes voltaram com a mesma formação e pegada do primeiro tempo. Ambas com velocidade e posturas mais ofensivas. Desesperado pelo empate, o Botafogo chegou a cavar dois pênaltis: um com Jobson e depois com Rogério, mas o árbitro mineiro estava bem colocado em ambas as ocasiões e não marcou.
Sem precisar de simulação, o time carioca chegou ao empate aos 14 minutos com um toque rubro-negro. Em cobrança de falta, Wallyson mandou rasteiro. Magrão ainda ia chegar na bola, mas com desvio de Patric, o goleiro rubro-negro acabou se confundindo e não alcançou – 1×1.
Ficha Técnica: Botafogo 1 x 1 Sport
Botafogo: Jefferson; Régis (Andreazzi), Dankler, Matheus Menezes, Junior Cesar; Airton (Zeballos), Gabriel, Ramírez; Rogério, Wallyson e Jobson. Técnico: Vagner Mancini.
Sport: Magrão; Patric, Henrique Mattos, Wendel e Renê; Ronaldo, Rodrigo Mancha (Rithely), Ibson (Zé Mário) e Diego Souza; Felipe Azevedo (Érico Júnior) e Ananias. Técnico: Eduardo Baptista.
Campeonato Brasileiro (Série B) – 29ª rodada. Estádio: Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ). Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG). Assistentes: Márcio Eustaquio Santiago e Celso Luiz da Silva (ambos de MG).
Gols: Diego Souza (21’/1ºT) e Wallysson (14’/2ºT)
Cartão amarelo: Ananias (45’/2ºT)
Público: 3.059
Renda: R$ 33.490 Fonte: NE 10.

Botox pode ajudar no tratamento da depressão, diz pesquisador

tratada
As pessoas costumam franzir o rosto quando estão tristes ou chateadas e abrem um sorriso e estão alegres. Mas pode a relação causa-efeito ocorrer na direção inversa? Adotar uma expressão de felicidade influenciaria nossos sentimentos a ponto de nos deixar mais contentes? O pesquisador microbiologista inglês Andy Pickett acredita que sim. E mais, ele, que estuda a toxina botulínica há mais de 25 anos, nos contou em entrevista exclusiva, que a substância tem se mostrado muito eficaz não só para confirmar esta teoria como no tratamento de um dos maiores males nos novos tempos: a depressão.


Pickett, que esteve na capital pernambucana onde participou do congresso Dermato Recife 2014, explica que isso começou a ser notado em um grupo de pessoas que sofria de depressão nos Estados Unidos e que recebeu aplicações de botox no rosto. Seis semanas depois, 52% dos pacientes mostraram diminuição nos sintomas da depressão. “Existem várias formas de medir isso. Uma delas é comparando a quantidades de medicamentos que o paciente usa. Neste grupo percebemos que uma parcela significativa deixou de tomar algumas drogas”, explica.
O pesquisador microbiologista Andy Pickett estuda a toxina botulínica há mais de 20 anos e acredita nos efeitos da substância para o tratamento da depressão - Foto: Ségio Bernardo/JC Imagem
O pesquisador Andy Pickett estuda a toxina botulínica há mais de 20 anos – Foto: Ségio Bernardo/JC Imagem
Vamos explicar melhor. Para o microbiologista as expressões faciais interferem nas emoções e não o contrário. Traduzindo: o aparecimento de rugas no rosto envia sinais precisos para o cérebro, que por sua vez responde com substâncias que produzem sensações de tristeza ou de alegria. “É o caminho inverso: você parecer triste é que te deixa triste. Os pacientes de depressão não parecem felizes, é uma cura de fora para dentro a partir do momento que a toxina deixa a expressão mais suave, mais leve”, complementa. Mas não é qualquer pessoa que, necessariamente, alcança esse resultado, alerta ele.
Não se sabe ainda, ao certo, por que nossas expressões faciais influenciam nossas emoções, como parece acontecer. Em nossa mente, associações entre sentimentos e reações podem ser tão fortes que as expressões acabam reforçando nossas emoções ��" e pode não haver uma razão evolutiva para essa conexão. Ainda assim, nosso rosto parece comunicar nossos estados mentais não apenas para os outros, mas também para nós mesmos. “Eu sorrio, logo devo estar feliz”, conclui. Fonte: NE 10.


Debate mais do mesmo na Record, mas agora sem ataques pessoais

unnamed
Por Jamildo Melo, editor do blog
O penúltimo debate antes das eleições, nesta noite de domingo, na Record, foi marcado pela mesmice, mas sem os ataques pessoais do confronto anterior, na Band. Ou os candidatos reduziram a virulência porque pegou mal ou porque guardam trunfos para o debate na Globo, na próxima sexta-feira, enquanto saem novas pesquisa de opinião, ao longo da semana que entra.
Com um debate mais civilizado, o encontro acabou abrindo mais espaço para a apresentação de propostas, mesmo que sob o crivo crítico dos rivais.
A estatal Petrobras, em meio à denuncias de corrupção, acabou ganhando destaque no programa, mas não apenas em função dos supostos desvios em apuração.
Aécio Neves tentou encurralar Dilma, após ela ter admitido os desvios na estatal, mas não conseguiu. A estratégia mudou colocar suspeição no tesoureiro do PT, João Vaccari, envolvido no escândalo da petrolífera e que também tem cargo remunerado no conselho de Furnas. Vaccari foi citado ao menos três vezes. Sem ser emparedada, Dilma repetiu o discurso de que investiga e vai punir a todos, diferente do que teria ocorrido com outros escândalos do passado, do governo FHC. O tucano retrucou que ela não determina quem investiga ou não investiga, pelo menos em um regime democrático. “Estão todos soltos”, disse Dilma, sobre os aliados tucanos citados em casos de corrupção. Acusou ainda os tucanos de terem prevaricado.
O tucano adotou caminho diverso ao tentar jogar contra Dilma os trabalhadores que aplicaram FGTS nas ações da estatal e tiveram perdas, antes de prometer profissionalizar a gestão. Sem poder desmentir as perdas, Dilma rebateu com o pré-sal, propiciando novo ataque do mineiro. “O pré-sal não lhe pertence. É um patrimônio da sociedade brasileira”, cravou.
Da mesma forma, falando diretamente aos funcionários do banco do Brasil e Caixa, prometeu que os diretores não entrariam na cota política, para valorização dos servidores de carreira. “Não vamos mais ter Pizzolatos no Banco do Brasil”, disse. Dilma mandou ficarem com ‘três pulgas atrás da orelha’, considerando as críticas ao papel do BNDES, além do Minha Casa Minha Vida.
A região Nordeste quase não apareceu no debate. Apenas no último bloco, Aécio Neves lembrou que Dilma não entregou as obras da transposição e Transnordestina. A presidente respondeu que a transposição estava a todo vapor. Esperava-se mais dos dois, considerando que a votação na região pode decidir o pleito.
A política em Minas Gerais voltou a ser debatida, mas ganhou menos espaço do que no último confronto. No bloco final, Dilma insinuou que Aécio Neves superfaturou o centro administrativo do Estado, que começou com um custo de R$ 500 milhões e mais do que dobrou, ao final, a guisa de contestar sua pregação de gestor eficiente.
Quando falaram em programas sociais, o Bolsa Família voltou a ser lembrado, como era de se esperar. Dilma cunhou a frase ‘meu’ bolsa família, permitindo mais um ataque do adversário, para quem o Pt quer ser dono dos programas sociais e servem ao terrorismo eleitoral. “Não é seu bolsa família, é dos que mais precisam”
Na educação, o mineiro voltou a dizer que iria entregar as seis mil creches que Dilma prometeu e não fez, enquanto a petista voltou a bater no sucateamento do ensino superior, comparando FHC e os anos Lula e Dilma. O tucano prometeu melhorar e ampliar o Pronatec, ao responder a acusação de que o governo FHC proibiu a criação de escolas técnicas.
Na área de segurança, os dois adversários travaram um debate inicial com uma guerra de estatísticas. Aécio sempre enfatizando que a união precisaria investir mais e Dilma colocando que Minas Gerais no governo do tucano não fez o suficiente. Dilma repetiu que vai chamar para si a responsabilidade sobre a segurança e o tucano prometeu uma nova relação com os países vizinhos, por onde a droga entre livremente no Brasil.
Se não se teve ataques diretos, sobraram ironias de lado a lado. Aécio Neves já começou o programa agradecendo a qualidade da pergunta. Dilma chegou a citar trecho de um documento do TCE de MG que fala em uso de vacina de cavalo para justificar gastos em saúde. “Tem mãe chorando em Minas Gerais também”, devolveu Dilma, ao responder a uma ironia do rival sobre violência no Brasil.

Bosque franciscano aberto ao público em Olinda

Cleide Alves

A fonte d'água, que estava escondida pelo mato, virou mais uma atração do convento / Foto: Edmar Melo/JC Imagem

A fonte d'água, que estava escondida pelo mato, virou mais uma atração do convento

Foto: Edmar Melo/JC Imagem

Um bosque com pés de aroeira, coco, goiaba, pitanga, araçá, fruta-pão, cajá, trapiá, caju, manga e jenipapo é a nova atração do Convento São Francisco, na Cidade Alta de Olinda. O sítio, no oitão do histórico refúgio dos frades, sempre esteve ali. Mas só agora os religiosos resolveram estimular as visitas.
A ideia de abrir o quintal ao público surgiu em agosto último, nas férias dos 14 frades estudantes, moradores do convento. Durante o dia, eles trocaram os livros por pás, enxadas e facões, para fazer uma faxina no bosque. Corta mato aqui, tira mato dali e os jovens se depararam com uma raridade: a bica dos franciscanos, há anos escondida na vegetação.
“É uma das cinco bicas que existiam na Cidade Alta e, no passado, servia para o abastecimento humano. Estamos fazendo pesquisas para tentar resgatar essa história”, conta frei Bruno Santana, um dos estudantes (professo temporário, no termo mais adequado). Os religiosos querem saber a data de construção e o uso dado à fonte, se era privativo dos frades ou coletivo.
A construção de tijolos antigos ainda preserva o nicho, onde, imagina-se, ficava uma representação de São Francisco, e parte dos elementos decorativos. “Vamos providenciar exames químicos, físicos e biológicos para avaliar a qualidade da água, oriunda de uma cacimba por trás da bica. Queremos recuperar o acesso à fonte e a utilidade da água para o convento e a população”, declara frei Bruno.

GALERIA DE IMAGENS

Bica do século 16 no quintal dos franciscanos de Olinda. Frades querem testar a qualidade da água
Foto: Edmar Melo/JC Imagem
Anteriores
  • Foto%3A%20Edmar%20Melo/JC%20Imagem
  • Foto%3A%20Edmar%20Melo/JC%20Imagem
  • Foto%3A%20Edmar%20Melo/JC%20Imagem
  • Foto%3A%20Edmar%20Melo/JC%20Imagem
  • Foto%3A%20Edmar%20Melo/JC%20Imagem
  • Foto%3A%20Edmar%20Melo/JC%20Imagem
  • Foto%3A%20Edmar%20Melo/JC%20Imagem
  • Foto%3A%20Edmar%20Melo/JC%20Imagem
Próximas


Possivelmente, a bica remonta ao século 16 e é anterior à chegada dos franciscanos a Olinda, diz frei José Milton de Azevedo Coelho, veterano no convento. Segundo ele, documento de 1575 faz referência à fonte do rossio, no local mais tarde ocupado pelo templo dos religiosos. A área pertencia a Dona Maria da Rosa, benfeitora que havia erguido uma casa e uma capela no terreno e doou aos franciscanos, logo após a chegada dos frades ao Brasil, em 1585, conta frei Milton.
No verão de 1976, para economizar a água do prédio, frei Milton e os demais frades tomavam banho de cuia na fonte, que fica na parte baixa do terreno. “Tinha um banheiro ao lado da bica, usávamos só para o banho, pois não sabíamos se a água era poluída”, recorda. O Convento São Francisco de Olinda é o primeiro da ordem franciscana no Brasil.
Os frades querem integrar as visitas ao patrimônio histórico – a edificação é composta da Igreja de Nossa Senhora das Neves, das capelas de Sant’Ana e de São Roque e do claustro – com passeios pelo bosque. “O sítio é um espaço ecológico, um lugar sossegado para a pessoa sentir o vento e o cheiro da natureza, bem de acordo com a filosofia de São Francisco. Falta mais estrutura”, diz frei Bruno.
“Vamos providenciar exames químicos, físicos e biológicos para avaliar a qualidade da água, oriunda de uma cacimba por trás da bica
”afirma frei Bruno Santana

Protetor dos animais, São Francisco de Assis viveu no século 13 e é considerado o padroeiro da ecologia na Igreja Católica, título conferido pelo Papa João Paulo II. No bosque há bem-te-vis, sabiás e guriatãs-de-coqueiro, entre outros bichos. Os religiosos abriram uma pequena trilha até a fonte e pretendem ampliar a vereda.
O projeto de recuperação do sítio também prevê o reflorestamento da área com espécies da Mata Atlântica (substituindo invasoras) e o plantio de frutíferas. O pomar ficaria mais próximo do convento, fornecendo frutas aos frades. Por segurança, as pessoas só descem até o bosque acompanhadas de um dos estudantes, usando sapatos fechados e calça comprida.
Não é cobrada taxa para conhecer o monumento, no alto de uma colina da Cidade Patrimônio Cultural e Natural da Humanidade. Doações são espontâneas e o dinheiro da contribuição dos visitantes é usado na manutenção do prédio – construído no século 16, reconstruído no século 18 e decorado com azulejos portugueses, forros com pinturas sacras, móveis de jacarandá, imagens barrocas – e no projeto de resgate do bosque e da fonte d’água
Fonte: NE 10.

domingo, 19 de outubro de 2014

Novos tratamentos e tecnologias para controlar a diabetes chegam ao Brasil

Um scanner recém-lançado na Europa promete deixar para trás a velha

Em um país com cerca de 14 milhões de pessoas com diabetes, novos tratamentos e tecnologias surgem para melhorar a resistência dos pacientes ao uso de medicamentos e à mudança do estilo de vida para melhor controle da doença. Acaba de chegar ao Brasil a primeira insulina com 42 horas de ação que ajuda a combater a tão temida hipoglicemia (níveis de glicose no sangue muito baixos) que pode causar desmaios e até levar ao coma. Na outra ponta, a cirurgia bariátrica para diabetes tipo 2 começa a ganhar mais adeptos, mas ainda divide a opinião médica. E, recém-lançado na Europa, ainda sem data para chegar ao Brasil, uma espécie de scanner permite a leitura da glicose sem furar o dedo.

Considerado um problema de saúde pública mundial, o diabetes está diretamente associado ao aumento de risco de infarto, acidente vascular cerebral e já aparece como uma das principais causas de cegueira no mundo. A insulina é o hormônio produzido pelo pâncreas, responsável pelo transporte da glicose (açúcar) para o interior das células do nosso organismo, o que fornece a energia indispensável para seu funcionamento. Quando a pessoa tem diabetes tipo 1, o organismo não consegue mais produzir a substância, e o paciente precisa fazer aplicações - mais de uma - diárias de insulina para chegar ao nível adequado de glicose. A tipo 2, a mais comum, adquirida ao longo da vida, ocorre pela inexistência, insuficiência ou resistência à insulina.

Até hoje, o efeito mais longo obtido com uma aplicação de insulina era de 24 horas, o que obrigava o paciente a reaplicar sempre no mesmo horário. Agora, uma nova insulina, a degludeca, que dura até 42 horas e evita os picos glicêmicos, acaba de chegar ao Brasil, produzida pela dinamarquesa Novo Nordisk, ao preço semelhante ao de outras drogas existentes no mercado, R$ 100. Para especialistas, a nova insulina facilitará a adesão ao tratamento. Segundo o endocrinologista Freddy Eliaschewitz, diretor do Centro de Pesquisas Clinicas de São Paulo (CPClin), dois terços dos diabéticos têm a glicemia fora de controle.

"Depois do antibiótico, a insulina é o que mais salvou vidas na história da Humanidade. Com a chegada de uma insulina de maior duração, esperamos dar mais qualidade de vida aos pacientes", explica Eliaschewitz.

Com a nova insulina, o paciente ganha um tempo extra de janela entre uma aplicação e outra. Por ter ação estável, ela reduz o risco de hipoglicemia noturna em 25% nos casos de diabetes tipo 1 e 43% nos diabéticos tipo 2, segundo um estudo publicado na revista médica britânica "The Lancet". Apesar da ação de 42 horas, recomenda-se o uso uma vez ao dia.

A estudante Bruna Carvalho, 19 anos, lida com o diabetes tipo 1 há três anos e já usa a degludeca, que aplica uma vez ao dia. Ela aponta como maior ganho a redução dos episódios de hipoglicemia: em vez de uma vez por dia, isso agora acontece apenas uma vez por semana.

"Antes a variação de açúcar no meu sangue era enorme de uma refeição para outra: no almoço eu podia apresentar 215, no lanche 45. Hoje me estabilizei em 100 ao longo do dia e o bem-estar é maior. Com a insulina, exercícios e dieta, eu consigo ter o nível de quem não tem diabetes", conta. Mas Bruna frisa que disciplina é fundamental. "Só a insulina não resolve o problema, tem que ter disciplina, fazer dieta e exercícios."

Em pessoas com diabetes, o quadro de hipoglicemia, principalmente à noite, se desenvolve quando não há glicose suficiente para ser usada como combustível para as células, e muitos pacientes associam a insulinoterapia aos episódios de hipoglicemia noturna, segundo Antonio Roberto Chacra, chefe do Centro de Diabetes da Unifesp.

Os resultados do maior estudo já global sobre hipoglicemia, incluindo 27 mil pacientes, em 24 países, revelam que o índice de hipoglicemia em pacientes com diabetes tratados com insulina é subnotificado. A conclusão foi apresentada no mês passado, durante o 50º Encontro Anual da Associação Europeia para o Estudo do Diabetes, em Viena, na Áustria.

"A hipoglicemia é uma preocupação importante para os pacientes com diabetes tipo 1 e tipo 2, no entanto é evidente que muitas vezes os pacientes não reconhecem e informam estes episódios graves", disse Kamlesh Khunti, professor de cuidados de saúde primários em Diabetes & Medicina Vascular da Universidade de Leicester, na Inglaterra.

"Os médicos precisam educar melhor os pacientes com diabetes para garantir que eles compreendam plenamente o que um evento hipoglicêmico é, registrar qualquer incidência e, sobretudo, relatá-los ao seu médico", declarou Khunti.

Os pacientes foram avaliados depois da orientação sobre o que era hipoglicemia. A partir disso, o número de relatos aumentou 47% em um ano nos pacientes com diabetes tipo 1 e 20% para os portadores do tipo 2. Segundo o especialista, isso sugere significativa subnotificação de pacientes para todos os tipos de hipoglicemia, inclusive a noturna. Fonte: Agencia Globo.

Santa vence o Vasco e segue sonhando com o G-4

Do JC Online

Atacante Cassiano comemora o gol que marcou e deu a vitória ao Santa Cruz sobre o Vasco / Edmar Melo/JC Imagem

Atacante Cassiano comemora o gol que marcou e deu a vitória ao Santa Cruz sobre o Vasco

Edmar Melo/JC Imagem

O Santa Cruz está vivo na luta pelo acesso à Série A. O tricolor venceu o Vasco por 1x0, com um gol salvador de Cassiano, aos 41 minutos do 2º tempo, neste sábado (18/10), na Arena Pernambuco, pela 30ª rodada da Série B do Brasileiro. A vitória foi a resposta do time à torcida e à diretoria, após a greve da quinta-feira passada, quando os atletas se recusaram a treinar devido ao atraso de salários. O tricolor volta a jogar só na próxima sexta-feira, diante do Ceará, em Fortaleza, em outro embate contra equipes da parte de cima da tabela.
Com o resultado, o Santa completou cinco jogos de invencibilidade e entrou na briga pelo acesso à Série A, pulando da 10ª para a 7ª posição (sua melhor colocação nesta edição). O time tem 45 pontos, igual ao Náutico, que é o 6º, por ter 13 vitórias contra 11. Assim, a diferença para o Avaí (4º, com 52) caiu para sete pontos. O tricolor ainda quebrou o tabu de 20 anos sem vencer os vascaínos, que desceram para 3º, com 54. 
Um primeiro tempo de muita marcação. Apesar de ser mais objetivo, o tricolor não conseguia cria muitas oportunidades. O mesmo ocorreu com a equipe carioca. No primeiro ataque, logo aos seis minutos, Keno cruzou da esquerda, mas Martin Silva salvou.
O tricolor teve uma boa oportunidade de abrir o placar, quando o meia Wescley, em alta velocidade, puxou o contra-ataque e serviu ao lateral Tiago Costa, que bateu forte e Martin Silva fez uma defesa arrojada para escanteio.
No 2º tempo, o Vasco melhorou com o meia Maxi Rodríguez na vaga de Fabrício. Mas o Santa teve a chance de marcar logo aos oito. O zagueiro Renan Fonseca acertou uma cabeçada para Martin Silva fazer grande defesa. Logo depois, o meia Dakson substituiu Edmilson, o que ampliou a ofensividade carioca. 
Com a pressão do Vasco, o goleiro Tiago Cardoso apareceu com grandes defesas. Aos 17, Dakson finalizou, e o paredão tricolor salvou. O mesmo ocorreu em finalizações do meia Douglas, do atacante Talles, do zagueiro Rodrigo e de Maxi Rodriguez. O Santa, por sua vez, não errou na sua melhor oportunidade. Aos 41, Cassiano, que entrara aos 37, deu a vitória ao tricolor ao driblar o zagueiro Douglas Silva e mandar no canto direito de Martin Silva. A partir daí, o tricolor se fechou e garantiu a vitória para delírios de mais de 24 mil corais que foram à Arena.
Nos outros jogos, Bragantino (com 36) fez 2x1 no América-RN (17º, com 30). O Joinville chegou aos 54 e assumiu a 2ª posição ao vencer o Ceará (5º, com 50) por 3x0. Já ABC x Luverdense não havia começado até o fechamento desta edição, às 20h30.
POLÊMICA
Após o jogo, o diretor de futebol do Santa Constantino Júnior queixou-se com o gerente vascaíno Rodrigo Caetano por um vídeo vazado na internet em que o técnico Joel Santana, na preleção, diz que o Santa Cruz tem "uma grande torcida e que não ganha p... nenhuma, mas tem que ser respeitado".

GALERIA DE IMAGENS

SANTA VENCE O VASCO POR 1X0 PELA 30ª RODADA DA SÉRIE B
Legenda
Anteriores
  • Edmar%20Melo/JC%20Imagem
  • Edmar%20Melo/JC%20Imagem
  • Edmar%20Melo/JC%20Imagem
  • Edmar%20Melo/JC%20Imagem
Próximas

FICHA DO JOGO
Santa Cruz: Tiago Cardoso; Tony, Alemão, Renan Fonseca e Tiago Costa; Sandro Manoel, Bileu, Danilo Pires (Cassiano) e Wescley (Renatinho); Leo Gamalho e Keno (Ailton). Técnico: Oliveira Canindé.
Vasco:  Martin Silva; Diego Rena, Rodrigo, Douglas Silva e Marlon; Guiñazu, Pedro Ken, Fabrício (Maxi Rodríguez) e Douglas (Montoya); Thalles e Edmílson (Dakson). Técnico: Joel Santana.
Local: Arena Pernambuco. Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (Fifa/RS).  Assistentes: Rafael Silva e José Calza (ambos do RS).  Gol: Cassiano, aos 41 minutos do 2º tempo. Cartões amarelos: Sandro Manoel (S), Fabrício, Marlon e Guiñazu (V).  Renda: R$ 592.362.  Público: 24.283.