quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

Avó e neto morrem em colisão com ônibus em Olinda


Acidente ocorreu na PE-15 por volta das 9h


Avó e neto morreram em acidente de trânsito ocorrido por volta das 9h desta quarta-feira (16) em Olinda. O carro em que a mulher e o neto de 31 anos estavam se envolveu em uma colisão com um ônibus na PE-15, próxima ao Atacadão de Olinda. No choque, o motorista do ônibus se feriu. 

Albertina Maria de Queiroz, 71, e o neto Hellyardson Junior Queiroz estavam retornando do Recife, onde o homem havia deixado a mãe e a irmã, de 12 anos, no ponto de comércio que a família possui e seguia para a casa da avó, no bairro do Rio Doce, em Olinda, quando aconteceu a colisão.
Segundo testemunhas, um carro-forte deu uma 'trancada' no Gol em que avó e neto estavam, fazendo o veículo entrar na via exclusiva de ônibus, onde o carro foi atingido por um coletivo da linha TI Pelópidas/ Cde da Boa vista.

De acordo com Heldo Souza, perito criminal responsável pelas investigações técnicas do caso, quando a equipe técnica chegou ao local a avó e o neto já estavam sem vida e já haviam tido seus corpos removidos do local. “Assim que o Corpo de Bombeiros chegou, na esperança de que ainda estivessem vivos, fez a remoção dos corpos. Esse é um procedimento normal, e que não atrapalha a perícia”, destacou o perito. 

Heldo disse, ainda, que observando o local, nota-se que o automóvel invadiu a faixa exclusiva de ônibus. O perito informou que escutou veiculações de que essa invasão fora causada por um carro forte desconhecido que supostamente teria trancado o carro. "Estamos trabalhando para saber se as avarias constatadas no lado direito do gol foram produzidas por esse carro forte ou foram recorrentes do trabalho de remoção dos corpos", finalizou dizendo que entre 15 e 30 dias, o laudo pericial prestará os esclarecimentos necessários sobre a fatalidade. 

Depois do acidente, o motorista do ônibus foi atendido pelo Samu e em seguida levado para a UPA de Olinda. O velório e enterro de do neto e da avó deve acontecer no cemitério de Paulista.




Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.