quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Sport encara Ponte em nova chance de acesso


Após falhar contra o Vila Nova, Leão joga por um empate para sacramentar retorno à Série A do Brasileiro

Luan Polli convoca torcedor e faz promessa: "Dessa vez a bola vai entrar"

Será que agora vai, Leão? Às 21h30 desta quarta-feira (20), o Sport entra em campo para enfrentar a Ponte Preta, na Ilha do Retiro, no jogo que, finalmente, poderá sacramentar o retorno do clube à Série A do Campeonato Brasileiro. Apesar da frustração pelo empate em 0x0 com o Vila Nova, e o consequente adiamento do acesso, no último domingo, a expectativa é de bom público no segundo confronto seguido do Rubro-Negro dentro de casa. Até o fechamento desta edição, haviam sido vendidos 14.380 ingressos. Caso o resultado do primeiro turno (2x2), no Moisés Lucarelli, se repita, os pernambucanos confirmam a volta à elite do futebol nacional com uma rodada de antecedência. Mesmo com alguns desfalques, o técnico Guto Ferreira contará com reforços importantes para o embate frente ao Alvinegro de Campinas.

Titular nesta reta final de campeonato, Luan Polli acredita que faltou tranquilidade na última partida para o Sport sair de campo com o acesso. Entretanto, crê que o objetivo será alcançado diante da Macaca. "No último jogo, tanto nós, quanto os torcedores estávamos ansiosos. Espero que a torcida apareça e nos apoie novamente. Eles serão nosso 12º jogador. Dessa vez a bola vai entrar. E caso não tomemos gol, o acesso estará garantido", afirmou o goleiro.

Apesar dos últimos treinos serem fechados à imprensa, Guto deverá contar com retornos no time que começará a partida. Titulares durante toda competição, Rafael Thyere e Leandrinho podem iniciar o duelo contra a Ponte. Enquanto o zagueiro se recuperou de uma tendinite no tendão de Aquiles, o meia perdeu os dois compromissos anteriores por conta de lesão na panturrilha. Seu reserva imediato, Pedro Carmona, que também esteve fora de combate devido a dores no joelho direito, pode entrar no decorrer do jogo.

"Temos que acreditar sempre nos guerreiros que vão para a guerra. Eu tenho confiança total naqueles que vão entrar em campo. Sabemos da importância do jogo, e que cada um dê o melhor de si para nos ajudar a conseguir o tão sonhado acesso nesta partida", declarou Guto Ferreira.

Leia também:
Leão lança operadora de celular "Sport Cel"
Thyere quer Sport menos ansioso e espera desencantar na Série B


Para o jogo, o Leão não poderá contar com Adryelson, que sente dores no púbis. Cleberson e Eder brigam pela titularidade. Além do zagueiro, Sander e Willian Farias, suspensos por tomar o terceiro amarelo estão fora da partida. Guilherme Lazaroni fica com a vaga na esquerda. Na cabeça de área, Yago pode ser o responsável pela saída de bola leonina. Ele briga com João Igor, que retornou aos trabalhos depois de três semanas afastado por lesão muscular.

Sem brigar por acesso ou para se manter na Série B, a Ponte tem um objetivo único nesta reta final de campeonato: terminar a competição à frente do Guarani. Com 44 pontos, a Macaca está a uma posição do Bugre e quer estragar a festa do Sport para deixar o rival de Campinas para trás na tabela. Para o jogo desta quarta, o Alvinegro não poderá contar com o volante Washington, mas terá o retorno de Marquinhos na armação.

Ficha técnica

Sport
Luan Polli; Norberto, Thyere, Cleberson (Eder) e Guilherme Lazaroni; Yago (João Igor), Charles e Leandrinho (Marquinho); Guilherme, Elton e Hyuri. Técnico: Guto Ferreira.

Ponte Preta
Ygor; Edílson, Renan Fonseca, Henrique Trevisan e Guilherme Guedes; Camilo, Lucas Mineiro, Renato Cajá e Marquinhos; Vico e Roger. Técnico: Gilson Kleina.

Local: Ilha do Retiro (Recife);
Horário: 21h30 (de Brasília);
Árbitro: João Batista de Arruda (RJ);
Assistentes: Silbert Faria Sisquim e Thiago Gomes Magalhães (ambos do RJ);
Transmissão: Premiere.

Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.