terça-feira, 31 de dezembro de 2019

Virada do ano será quente e chuvosa em todo o Brasil


São Paulo, Rio de Janeiro e Campo Grande são as capitais com menor chance de chuva no momento da virada, mas instabilidade não é descartada. Manaus, Rio de Janeiro, Macapá e Teresina serão as mais quentes.


O momento da virada do ano terá chuva e temperatura elevada em todas as regiões do Brasil, de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). O tempo instável deve continuar ao longo do primeiro dia de 2020, com chances de raios, temporais e rajadas de vento na maior parte do país.
Segundo o meteorologista do Inmet, Olívio Bahia, todas as capitais têm chance de chuva na virada do ano. "São Paulo, Rio de Janeiro e Campo Grande têm as menores chances de precipitação, mas instabilidade não é descartada", afirma Bahia.
"Podemos esperar os transtornos causados pela chuva no dia primeiro de janeiro, como queda de árvores e alagamentos", alerta o meteorologista. "Por outro lado, o início do ano chuvoso pode ser uma notícia boa para a questão energética do país, uma vez que os reservatórios dependem das chuvas".
No dia primeiro de janeiro, a atenção vai para a fronteira do Rio Grande do Sul com o Uruguai, onde são esperadas rajadas de vento superiores a 80 km/h, raios e chuva de granizo, segundo o Inmet.
As capitais mais quentes no momento da virada serão Manaus, Macapá, Teresina e Rio de Janeiro, com previsão de temperatura superior a 30ºC.

As temperaturas devem cair em todo o Brasil no dia 03 de janeiro, menos em Teresina, onde a máxima será de 36°C.

Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.