quarta-feira, 11 de março de 2020

Drauzio pede desculpas em vídeo à família de criança morta por trans


Drauzio afirmou que desconhecia o motivo da condenação de sua entrevistada, mas disse compreender a decepção de quem entendeu se tratar de uma condenada por crime menor

Drauzio Varella


O médico Drauzio Varella publicou um vídeo nesta terça (10) em seu canal online no qual pede desculpas à família da criança morta pela transexual Suzy, a quem ele entrevistou em reportagem do "Fantástico", da TV Globo, no último dia 1º, e assume a responsabilidade pela repercussão negativa do caso.

"Ser médico orienta meu olhar em todas as situações, não só quando estou atendendo pacientes. Faço isso há mais de 50 anos, seja no consultório, cadeias, nos livros que escrevi, na televisão, nos jornais e na internet. Posso imaginar a dor e peço desculpas para a família do menino que foi involuntariamente envolvida no caso", declara.

Drauzio afirmou que desconhecia o motivo da condenação de sua entrevistada, mas disse compreender a decepção de quem entendeu se tratar de uma condenada por crime menor, como é o caso da maioria das transexuais presas, quando na verdade Suzy praticara um "crime que choca a todos", nas palavras dele.

Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.