terça-feira, 10 de março de 2020

'Energia forte', diz Tite sobre Pernambuco na estreia do Brasil nas Eliminatórias


Treinador relembrou suas passagens como treinador e atleta em solo pernambucano; ingressos para jogo contra a Bolívia, dia 27, na Arena, começam a ser vendidos na quarta

Tite, técnico do Brasil


Nesta segunda (9), após realizar vistorias no estádio da Ilha do Retiro - local que receberá os primeiros dois treinos da Seleção Brasileira na semana que antecede a estreia nas Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo 2022, no Catar -, e na Arena de Pernambuco, palco dos treinamentos finais e da partida contra a Bolívia, no dia 27 de março, o técnico do Brasil, Tite, concedeu entrevista coletiva na sede da Federação Pernambucana de Futebol (FPF). Acompanhado de Juninho Paulista, coordenador da seleção, e do diretor de competições da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Manoel Flores, o treinador relembrou suas passagens pelo estado e destacou o clima que espera no jogo contra os bolivianos.

“Pernambuco traz uma energia forte. Eu senti isso quando joguei no Arruda, contra o Santa, na época de atleta da Portuguesa. Literalmente tremia (estádio) com o apoio da torcida. Quantas e quantas vezes enfrentei o Náutico nos Aflitos? O Sport criava uma atmosfera na Ilha que exigia um nível de concentração alto. Essa mesma mobilização é a expectativa que tenho para o nosso jogo”, declarou.

Os bilhetes do jogo começarão a ser vendidos amanhã, a partir das 10h, pelo site www.eliminatorias2022.com.br. Ao todo, 43 mil ingressos serão colocados à disposição, com preços que variam de R$ 40 a R$ 400 (camarote). Cada CPF pode adquirir até seis entradas.

A Seleção desembarca no Recife no dia 22 de março, um domingo. Na segunda, realizará um treino fechado na Ilha do Retiro. No dia seguinte, também na casa do Sport, a atividade será aberta ao público, com capacidade máxima de dez mil torcedores. A entrada será mediante doação de dois quilos de alimentos não-perecíveis. Na quarta e na quinta, os trabalhos acontecerão na Arena de Pernambuco.

“A qualidade do espetáculo está diretamente ligada a qualidade do gramado. Falei aos funcionários de lá (Arena): ‘que orgulho’. Eu vi que tem alguns locais que precisam de melhoria, mas com tempo suficiente para estar em plenitude (no dia do jogo)”, frisou.

Essa será a segunda vez que a Arena de Pernambuco receberá um jogo da Seleção Brasileira. Em março de 2016, pela mesma competição, o estádio foi palco do confronto do Brasil diante do Uruguai. Ainda sob o comando do técnico Dunga, a equipe empatou em 2x2.

A Seleção principal masculina disputou 18 jogos em Pernambuco. O Arruda recebeu 10 jogos. Arena e Ilha possuem dois cada. Os demais foram no campo da Avenida Malaquias, nas Graças, que pertenceu ao Sport de 1918 até 1937. O maior público de um jogo do Brasil foi em 1993, com 96.990 presentes no estádio do Santa Cruz na goleada por 6x0 diante justamente da Bolívia, também nas eliminatórias.

Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.