quinta-feira, 12 de março de 2020

Professores municipais do Recife em greve por reajuste; PCR propõe 12,84%


Segundo a PCR, o reajuste deve ser pago em três parcelas a partir do mês de outubro

Prefeitura do Recife

Professores da rede pública municipal de ensino do Recife entraram em greve por tempo indeterminado nesta quarta-feira (11). Os profissionais reivindicam reajuste salarial de 12,84%, estabelecido pelo Ministério da Educação através de Lei Federal em vigor desde o mês de janeiro passado, que eleva o piso para R$ 2.800. Em resposta à categoria, a Prefeitura do Recife (PCR) informou que foi surpreendida com a paralisação e que propôs pagar o reajuste em três parcelas a partir do mês de outubro.

Ainda de acordo com a nota enviada pela PCR ao Portal FolhaPE, o benefício Abono Educador também sofrerá reajuste de 9,54% para todos os profissionais,“mesmo diante da grave crise econômica que a afeta as contas públicas em todo o País”.

Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.