sexta-feira, 23 de novembro de 2018

IPTU TEM AUMENTO DE 4,56% EM QUATRO CIDADES DO GRANDE RECIFE, EM 2019




Valor de reajuste do tributo na capital, Jaboatão dos Guararapes, Olinda e Paulista foi calculado a partir do IPCA acumulado entre novembro de 2017 e outubro de 2018.



Os moradores dos quatro maiores municípios do Grande Recife devem se preparar para pagar o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) com aumento em 2019. Na capital, em Olinda, Jaboatão dos Guararapes e Paulista, o índice de reajuste do tributo é de 4,56%.

De acordo com as administrações municipais, o aumento do IPTU foi baseado no cálculo do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Entre novembro de 2017 e outubro deste ano, o valor acumulado ficou justamente em 4,56%.

Com o aumento, quem pagava R$ 100 de IPTU, até 2018, vai a ter que desembolsar R$ 104,56, no próximo ano. As quatro cidades oferecem formas de descontos para quem optar pelo pagamento em cota única.

No Recife, por exemplo, há 400 mil imóveis registrados. Os contribuintes podem optar por pagar o IPTU de uma única vez. Para quem estiver em dia com as obrigações de tributos municipais, o desconto é de 10%.

A prefeitura informa que o contribuinte pode fazer o pagamento em 10 parcelas. Quem quitar o IPTU em dia, ganha abatimento de 5%.

Os carnês começam a ser entregues em janeiro de 2019. A parcela única e a primeira cota vencem no dia 10 de fevereiro.

Além do desconto de 10% na cota única, a Prefeitura do Recife oferece um benefício a mais ao contribuinte que informou seu CPF na Nota Fiscal de Serviços eletrônica (NFS-e) ao adquirir serviço na capital.

Em novembro, ele pode indicar o imóvel para receber o desconto de até 50% no IPTU de 2019. O contribuinte pode escolher um imóvel próprio ou ainda uma propriedade em nome de terceiros, desde que não possua débitos em atraso com o município.

Jaboatão


Em Jaboatão dos Guararapes, são 180 mil imóveis cadastrados. Quem não tem dívidas anteriores e quer pagar em cota única, conta com desconto de 30%. Ela vence em 15 de fevereiro de 2019.


Para o parcelamento, a redução do valor é de 20%, para os contribuintes que não têm dívidas anteriores. Quem está devendo e quer se regularizar, de acordo com a prefeitura, tem desconto de 10%.

Segundo o secretário municipal da Fazenda, César Barbosa, a expectativa é arecadar R$ 80 milhões.

Olinda


Em Olinda, o desconto para o pagamento em cota única é de 30%. O vencimento está previsto para o dia 11 de fevereiro de 2019.

Quem optar pelo parcelamento em até 10 meses conta com desconto de 10%, caso quite o imposto até a data de vencimento.

De acordo com a prefeitura, a expectativa é aumentar em até 6% a arrecadação. A cidade tem 130 mil imóveis registrados, mas oito mil deles estão isentos de pagamento de IPTU.

Até o dia 30 deste mês, os contribuintes que estão com dívidas de IPTU até 2018 podem participar de uma ação para conseguir descontos. A prefeitura informa que pode conceder 100% de abatimento nos juros e multas.

Paulista


Em Paulista, os detalhes sobre o IPTU de 2019 estão previstos para ser divulgados em dezembro. A prefeitura adiantou que o percentual de reajuste seguirá o IPCA acumulado nos últimos meses. Ou seja, 4,56%.

Os contribuintes contam, até o dia 5 de dezembro deste ano, com o programa de refinanciamento de dívidas de tributos municipais. Eles podem pagar com descontos IPTU, Imposto Sobre Serviços (ISS) e Taxa de Licença de Funcionamento (TLF).

Em cota única, é possível conseguir desconto de 100% em juros e multas. Quem optar por dividir o débito em 12 parcelas, terá redução de 70% no valor das multas e juros.

Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.