quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019

Denúncias de violência psicológica a idosos aumentam no Estado


Dados do Centro Integrado de Atenção e Prevenção à Violência contra a Pessoa Idosa apontam que este tipo de violência aumento 320% na comparação de janeiro de 2019 com janeiro de 2018


As denúncias de violência psicológica contra a pessoa idosa tiveram um aumento de 320% em janeiro de 2019 na comparação com o mesmo período de 2018. Segundo o Centro Integrado de Atenção e Prevenção à Violência contra a Pessoa Idosa (CIAPPI), da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH), nos primeiros 30 dias deste ano houve 42 registros de violação psicológica contra esta população. Já em janeiro de 2018 foram dez, ou seja, 32 denúncias a mais. Os dados foram divulgados pela instituição nesta terça-feira (26).

“Às vezes fica claro que o idoso sofre este tipo de violência. Mas, em outros casos, não, e aí começamos com o acolhimento, fazendo com que o idoso fique à vontade, e no decorrer da conversa vamos identificando todas as características de violação. É necessário destacar que violência psicológica é crime”, disse a assistente social do programa, Glória Cavalcante. Essa violência psicológica se materializa em gritos, agressões verbais, insultos e deve ser denunciada por qualquer pessoa para a proteção do idoso.

O CIAPPI atua com atendimento especializado, escuta qualificada e humanizada, serviço de orientação psicossocial e jurídica. Também realiza encaminhamentos dos casos de violência, maus-tratos e abandono à rede integrada de promoção e defesa dos direitos da pessoa idosa. “O centro atua com o objetivo difundir, cada vez mais, as ações de enfrentamento às violações contra a pessoa idosa, além de sensibilizar a sociedade quanto ao seu papel de denunciar”, destacou o secretário executivo de Direitos Humanos, Diego Barbosa. Para acionar o serviço basta ligar para o 3182-7649 ou encaminhar e-mail para ciappi2016@gmail.com Fonte: Portal FolhaPE

Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.