quinta-feira, 25 de julho de 2019

Deslizamento de barreira deixa quatro mortos em Abreu e Lima; decretado estado de emergência


Ao todo, subiu para nove o número de mortos devido às chuvas no Grande Recife


Um deslizamento de barreira deixou cinco pessoas soterradas na manhã desta quarta-feira (24), na Estrada Córrego da Prata, no bairro de Caetés II, no município de Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife (RMR). De acordo com a Defesa Civil do Município, quatro das cinco pessoas já foram retiradas dos escombros sem vida - uma jovem de 19 anos faleceu no caminho do hospital e as outras três resgatadas sem vida - e outra se encontra desaparecida. O prefeito de Abreu e Lima, Marcos José, decretou Estado de Emergência no município.
Segundo o coordenador da Defesa Civil de Abreu e Lima, Júnior Lopes, as equipes do órgão seguem prestando socorro aos moradores. “Estamos aqui com a equipe, procurando, sem parar, pelas outras duas pessoas. Toda assistência está sendo prestada aos moradores. Estamos em busca. Nos avisaram que são cinco pessoas e já retiramos quatros. Temos fé de encontrar o outro desaparecido nos escombros com vida”, afirmou Júnior.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, um adolescente de 15 anos, identificado como Luis Henrique, um homem de 50 anos, identificado como Dalmir Santos, uma jovem de 19 anos e um outro homem - cuja identidade não foi divulgada - não resistiram e morreram. Uma jovem de 21 anos, grávida de oito meses, está desaparecida sob os escombros. 

Em Abreu e Lima, o reinicio das aulas previsto para hoje para cerca de seis mil alunos nas 32 escolas municipais também foi suspenso, e alguns Postos de Saúde não abriram devido aos transtornos causados pelas chuvas. 
A Prefeitura informou que disponibilizou uma quadra esportiva para atender os
possíveis desabrigados e "providenciará as medidas cabíveis para atender os prejudicados pela chuva, como colchonetes e cestas básicas. Foi disponibilizado também um local para receber donativos para as vitimas do desabamento, a Agência de Desenvolvimento, na avenida Duque de Caxias, 1010, próximo à prefeitura, no Centro da cidade, que recebe, das 8h às 17h água mineral, alimentos, roupas, fraldas e cobertores.
As fortes chuvas que atingem a Região Metropolitana do Recife pelo quinto dia consecutivo já causaram diversos transtornos para a população. Além de deslizamentos, boa parte da RMR está alagada, o que impossibilita a locomoção dos residentes do Grande Recife.
De acordo com a Defesa Civil do Jaboatão dos Guararapes, sete barreiras deslizaram. Ninguém ficou ferido, mas as famílias residentes nos locais de risco precisaram deixar suas casas. A Defesa Civil do Município pode ser acionada pelos telefones 0800 281 20 99 ou (81) 9 9195 6655.

Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.